Fim de tarde.. Praia de Alvor

sexta-feira, 5 de março de 2010

Queria....

Queria que soubesses quem sou
Queria que viesses pé ante pé
Queria que me levasses
para onde nunca ninguem me levou
Queria que me amasses
apenas por aquilo que sou...

Queria pedir-te para voltares
Sem nunca a mim pertenceres
Queria que descobrisses
que amar é muito mais que perdoar
è nunca ter...

Queria dizer-te o que sinto
Queria saber se importa,
porque cada vez mais pressinto
que sou como uma luz apagada
á tua porta....

Não sou chama, nem paixão
Não sou aquela, nem sou a unica,
Sou apenas a que chora
em pranto a sua imensa solidão!

2 comentários:

  1. Boa tarde.
    Lindo poema!

    Um grande abraço.

    ResponderEliminar
  2. Obrigado Amapola!!! Pelo seu comentário! Também passarei no seu blog! Um Abraço! Alexandra

    ResponderEliminar